Faço de conta que não sei

722

apeteces-me_website279

Faço de conta que não sei aquilo que me queres dizer. Andas, há dias, de volta de mim. Em silêncio, ficas parado à minha frente, de braços cruzados, de rosto sério e, quando eu estou quase a perguntar-te «o que se passa?», rodopias sobre os calcanhares e sais da sala. Fico apenas a ver a tua sombra a desaparecer por trás da porta.

Faço de conta que não sei aquilo que me queres dizer. Conheço-te há tanto tempo. Como seria possível não o saber? Sei que não encontras as palavras. Tens medo da minha dor. Recearás tu que enlouqueça? Talvez aconteça. Apesar de saber o que me queres dizer, ouvi-lo é outra coisa. Ouvi-lo da tua boca.

Faço de conta e adio o adeus. Até quando?

PARTILHAR
Artigo anteriorPaixão louca
Próximo artigoExaustas
Laura Almeida Azevedo
36 anos. Apaixonada por palavras, desenho e comunicação. Viciada em música e chocolates. Fascinada por pessoas, emoções e cidades grandes. Licenciada em Jornalismo. Designer gráfico, ilustradora e autora do livro «Apetece(s)-me». E a desafiadora-mor da plataforma de escrita criativa: Desafio-te.