Meu amor

apeteces-me_website272

Vamos ser felizes até quando?

Até nos embebedarmos de tanto amor e ficarmos num coma profundo? Até nos sentirmos exaustos de tanta urgência e sofreguidão? Até a loucura do desejo nos levar a perder os sentidos? Até perdermos também os braços no meio dos abraços — que agarram e que apertam —, sem vontade de nos separarmos um do outro?

Ou até o amor, que é tão sôfrego, nos deixar exaustos e a precisar de respirar fundo longe um do outro? Até percebermos que o amor exige muito mais do que somos capazes de dar? Até gastarmos, de uma só vez, tudo o que tínhamos para sentir? Ou até a nossa pele deixar de sentir o toque e nos tornarmos invisíveis aos olhos do outro?

Até quando vamos ser felizes, meu amor?


Olá! Eu sou a Laura, a autora deste blog e do livro «Apetece(s)-me». Sou também freelancer em desenho gráfico, ilustração, redação de conteúdos e gestão de redes sociais. Paixões? As mais simples: escrever, desenhar, música, varandas e cidades grandes. Atualmente, vivo em Londres!

Deixa aqui o teu comentário:

INSTAGRAM
SEGUE-ME NO INSTAGRAM
error: Copyright © Este conteúdo está protegido!
%d bloggers like this: