A cada novo dia

394

apeteces-me_website265

Levamos os dias tão seguros da vida que levamos e dos dias que ainda nos restam. Não é que andemos convencidos de que os dias que nos restam sejam ilimitados. Mas nem sequer nos damos ao trabalho, na maior parte do tempo, de pensar nisto: que o número de dias que nos resta diminui mesmo a cada novo dia que surge. Nunca aumenta.

PARTILHAR
Artigo anteriorEstás aqui
Próximo artigoSexto sentido
Laura Almeida Azevedo
36 anos. Apaixonada por palavras, desenho e comunicação. Viciada em música e chocolates. Fascinada por pessoas, emoções e cidades grandes. Licenciada em Jornalismo. Designer gráfico, ilustradora e autora do livro «Apetece(s)-me». E a desafiadora-mor da plataforma de escrita criativa: Desafio-te.