Açúcar

400

Apeteces-me_160F

Amanhece nos meus lábios. E deixa que o dia nos encontre, assim, onde mais nada importa. Deixa que os minutos sejam abraços que nos aquecem os corpos; que nos devolvem à vida; que nos seguram os medos que, por vezes, nos fazem cair.

Amanhece nos meus lábios e deixa que o amor seja brando, doce.

É assim, meu amor, que a felicidade aperta nas nossas bocas e que nos enche de açúcar o coração.

PARTILHAR
Artigo anteriorNas nossas bocas
Próximo artigoCoração amorfo
Laura Almeida Azevedo
36 anos. Apaixonada por palavras, desenho e comunicação. Viciada em música e chocolates. Fascinada por pessoas, emoções e cidades grandes. Licenciada em Jornalismo. Designer gráfico, ilustradora e autora do livro «Apetece(s)-me». E a desafiadora-mor da plataforma de escrita criativa: Desafio-te.