Urgência

290

apeteces-me151

É na urgência que mais revelamos quem somos. É na urgência que aquilo que somos é mais genuíno, mais incontrolável, mais descomedido. É na urgência que dizemos as palavras que mordemos e que tomamos ações que vão definir-nos para sempre — aos olhos dos outros e aos nossos.

É na urgência que odiamos com tanta força que nos julgamos rebentar por dentro. É na urgência que amamos como se não houvesse o próximo instante e que corremos para o futuro com este medo urgente de nos perdermos no agora.

E, nesta urgência toda que sentimos um pelo outro, quem sou eu, afinal, e quem és tu?

PARTILHAR
Artigo anteriorProcuro-me
Próximo artigoVivemo-nos
Laura Almeida Azevedo
36 anos. Apaixonada por palavras, desenho e comunicação. Viciada em música e chocolates. Fascinada por pessoas, emoções e cidades grandes. Licenciada em Jornalismo. Designer gráfico, ilustradora e autora do livro «Apetece(s)-me». E a desafiadora-mor da plataforma de escrita criativa: Desafio-te.