Procuro-me

603

apeteces-me_website150

Separo-me de ti. Procuro-me por entre o tanto que julgo querer e o tanto que julgo ainda conhecer de quem sou. Viajo pelos meus pensamentos, com o coração quente, com esta sensação anestesiante de que aquilo que quero já não sou eu. E de que aquilo que me alimenta já não são as pequenas coisas de antes. Esta sensação de que o mundo — o meu mundo — mudou. Desta forma que nunca mais tem apenas o meu nome. Desta forma que nunca mais volta a ser o que antes era.

Separo-me de ti. Procuro-me e descubro que és tu a metade de mim que faz mais sentido.

PARTILHAR
Artigo anteriorSou humana
Próximo artigoUrgência
Laura Almeida Azevedo
36 anos. Apaixonada por palavras, desenho e comunicação. Viciada em música e chocolates. Fascinada por pessoas, emoções e cidades grandes. Licenciada em Jornalismo. Designer gráfico, ilustradora e autora do livro «Apetece(s)-me». E a desafiadora-mor da plataforma de escrita criativa: Desafio-te.