Já não te amo

406

apeteces-me_109

«Já não te amo»: foi o que me disseste na última vez que nos vimos. Assim, sem meias palavras. Parecia que o mundo desabava todo à minha frente e que o chão estremecia debaixo dos meus pés.

Não nos voltámos a ver depois disso. Por isso, todos os dias me esforço para que esta frase fique comigo, agarrada ao meu peito. Este pedaço de ti — o pior de ti — para que nunca mais sinta saudades de nós.

PARTILHAR
Artigo anteriorFechados para o mundo
Próximo artigoJá não me importo
Laura Almeida Azevedo
36 anos. Apaixonada por palavras, desenho e comunicação. Viciada em música e chocolates. Fascinada por pessoas, emoções e cidades grandes. Licenciada em Jornalismo. Designer gráfico, ilustradora e autora do livro «Apetece(s)-me». E a desafiadora-mor da plataforma de escrita criativa: Desafio-te.