É só isto que me importa

2346

apeteces-me_060

Fazes-me dar cambalhotas por cima do teu ombro. Cambalhotas sem medir a distância, entre o meu corpo e o chão, e sem me preocupar com perigos ou prejuízos.

[Agora, não. Importar-me com perigos e prejuízos não importa.]

Fazes-me dar cambalhotas por cima dos instantes e rir nos momentos em que o silêncio seria suposto. Rir é o melhor remédio para todas as coisas menos boas.

[Agora, não. As coisas menos boas não importam.]

Vivo cada instante de cabeça virada para baixo, com os pés assentes no céu. E percebo que, às vezes, é preciso virarmo-nos do avesso para que tudo faça sentido.

[E é só isto que me importa.]

PARTILHAR
Artigo anteriorEstá tanto frio lá fora
Próximo artigoExausta de ti
Laura Almeida Azevedo
36 anos. Apaixonada por palavras, desenho e comunicação. Viciada em música e chocolates. Fascinada por pessoas, emoções e cidades grandes. Licenciada em Jornalismo. Designer gráfico, ilustradora e autora do livro «Apetece(s)-me». E a desafiadora-mor da plataforma de escrita criativa: Desafio-te.