Ainda estás aí?

3581

apeteces-me036

Novamente, o silêncio. Estas noites, que parecem tantas, onde preciso de te escrever. Esta sensação de abismo, de afronta, de claustrofobia. Este sentimento aflito de que tudo aquilo que penso é como uma bola gigante, que rebola por cima do meu corpo, que me atropela e que me molda ao chão.

Novamente. E tu aqui. Tu, aqui, a olhar para mim. Tu, aqui, à minha espera: a ser ouvidos com vontade de me ler.

Ainda aí estás? Até quando?

PARTILHAR
Artigo anteriorSaliva
Próximo artigoAs tuas palavras nas minhas mãos
Laura Almeida Azevedo
36 anos. Apaixonada por palavras, desenho e comunicação. Viciada em música e chocolates. Fascinada por pessoas, emoções e cidades grandes. Licenciada em Jornalismo. Designer gráfico, ilustradora e autora do livro «Apetece(s)-me». E a desafiadora-mor da plataforma de escrita criativa: Desafio-te.