Nunca ninguém nos vai separar

6512

apeteces-me_website031

Disseste-me: «Nunca ninguém nos vai separar.» Lembras-te? «O nosso amor vai resistir a tudo.» Disseste-me que as emoções, dentro do peito, são como bolas de ping pong a saltitarem de um lado para o outro. Mas que o amor reveste as paredes do coração para o tornar capaz de aguentar tudo.

Prometeste-me. Prometeste-me que estarias sempre ao meu lado e que «juntos seremos mais felizes do que sozinhos». Disseste-o, tantas vezes, por palavras, por gestos, em bilhetes deixados, sobre a mesa de cabeceira, ao acordar. Ao ouvido. Entre suspiros. De mão dada com a minha, apertada com força.

Lembras-te?

Eu lembro-me. Lembro-me de acreditar que nada nos iria separar. Porque prometeste. Que o nosso coração teria um revestimento forte. E de acreditar que estarias sempre aqui. Comigo. Juntos. Inteiros. Capazes de aguentar tudo. Inseparáveis.

[Mas já não estás.]
PARTILHAR
Artigo anteriorHá instantes
Próximo artigoVesti o meu melhor vestido
Laura Almeida Azevedo
36 anos. Apaixonada por palavras, desenho e comunicação. Viciada em música e chocolates. Fascinada por pessoas, emoções e cidades grandes. Licenciada em Jornalismo. Designer gráfico, ilustradora e autora do livro «Apetece(s)-me». E a desafiadora-mor da plataforma de escrita criativa: Desafio-te.